Últimas

Eddystone, a "web física" da Google, chegará para Android em breve

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Há cerca de seis meses, a Google lançou o Eddystone, um padrão de Bluetooth LE multiplataforma, de código aberto, com o objetivo de oferecer novos serviços baseados em proximidade e localização. Ele é capaz de identificar melhor a posição do usuário em um mapa, e ao entender que algum “farol” está por perto, pode prover dados atrelados à sua localização física.

Desde então, os usuários do iPhone foram capazes de testar o sistema e a Google está chamando seu projeto de “the physical web”, ou “a web física”. Agora, a plataforma finalmente vem para Android também.

Enquanto há um monte de nomenclatura, a web física da Google é um conceito bastante simples de compreender: há dispositivos físicos espalhados ao redor do mundo real, chamados “farol”, e quando você passar por um, seu telefone ou dispositivo inteligente receberá algumas informações, como se estivesse acessando uma página da Web, e irá notificar você a respeito.

O sistema está começando a ser usado em cenários do mundo real, embora muito limitado por enquanto. Algumas instituições educacionais estão usando para notificar os alunos de suas programações ou anúncios, enquanto na CES 2016, o sistema foi usado para ajudar os visitantes em torno de exposições e também para encenar uma caça ao tesouro.

Infelizmente, até agora, apenas aqueles que utilizam o Chrome em um iPhone poderiam participar dessas etapas iniciais, pois a Google decidiu lançar o produto primeiro para tentar competir com o iBeacon da Apple. Mas em breve, os usuários do Android usando Chrome 49 também serão capazes de aproveitar essa funcionalidade.

A primeira vez que um usuário passa por um farol, vai receber uma notificação perguntando-lhes se querem continuar a usar o sistema. Os encontros seguintes a novos faróis apenas recebem uma notificação silenciosa no dispositivo do usuário.

Claro, o sistema é ainda incipiente, assim espera-se que ainda haja melhorias e novos recursos a serem desenvolvidos. Também é raro encontrar um farol no mundo real agora, mas à medida que a plataforma se populariza, isso pode mudar em breve.

<!–

Se curtiu, compartilhe!

setTimeout(“loadSocialButtons()”, 300);
–>
Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *