Facebook mantém liderança no mapa mundial das redes sociais

Burgos (Espanha), 22 fev (EFE).- O Facebook, com 1,59 bilhão de usuários no mundo todo, mantém a liderança das redes sociais, de acordo com o sexto mapa elaborado pela organização do Congresso Ibero-americano sobre Redes Sociais (iRedes) e apresentado nesta segunda-feira pela coordenadora da entidade, Cristina Pérez Villegas.

O mapa reúne todas as redes sociais do mundo com mais de 10 mil usuários organizadas por temas e onde se destaca o Facebook como “a mais numerosa e a que mais cresceu” em 2015.

Em entrevista coletiva, a coordenadora do iRedes detalhou que, depois do Facebook, aparecem a rede social chinesa Qzone e o YouTube, com 1 bilhão de contas ativas cada; o Instagram, que é líder em fotografia, com 400 milhões de usuários; e o Twitter, com 320 milhões, “apesar de seu crescimento não ter sido o esperado” no último ano.

Como novidade, o mapa deste ano inclui as principais plataformas de geração de ideias, pedidos sociais e campanhas, como o Causes, com 186 milhões de contas ativas, e o Change.org, que tem 130 milhões, e a muita distância a espanhola ideas4All, com 140 mil usuários.

Dentro da organização temática, Cristina indicou que as redes sociais se transformaram em “ferramentas digitais fundamentais” para conhecer novas pessoas e o mapa destaca os 200 milhões de usuários do Badoo e os 50 milhões do Tinder no mundo todo.

O autor do mapa iRedes é Rafael Höhr, editor gráfico da Prodigioso Volcán, que trabalhou em jornais como “The Sunday Times”, “El País” e “El Mundo”. O mapa foi apresentado hoje na Prefeitura de Burgos, patrocinador do Congresso Internacional junto com a BBVA e a Telefônica.

O VI Congresso Ibero-americano sobre Redes Sociais acontecerá em Burgos nos dias 3 e 4 de março com 43 conferências, vários debates e conversas sobre comunicação, marketing, publicidade e redes sociais Além disso, incluirá mesas-redondas sobre comunicação política e quatro oficinas.

A conferência de abertura ficará a cargo de Goyo Panadero, sócio e diretor-geral na Espanha em Portugal da Llorente e Cuenca, e Adolfo Corujo, diretor-geral corporativo de Talento, Organização e Inovação da mesma companhia que falarão sobre “A (r)evolução da comunicação”.

De acordo com Cristina, os diálogos sobre redes sociais continuam sendo uma das chaves do programa do iRedes, formato que se mantém inclusive no encerramento, com os jornalistas Antonio Lucas e Manuel Jabois junto com o escritor Arturo Pérez-Reverte.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *