Últimas

Falso policial do Afeganistão abre fogo contra colegas e mata quatro

Quatro policiais afegãos foram mortos e outros sete ficaram feridos, após um de seus colegas abrir fogo contra eles na instável província de Kandahar, no sul do Afeganistão, afirmou uma autoridade nesta quinta-feira (11). O falso policial foi morto a tiros por outro policial, na noite de quarta-feira, segundo Zia Durrani, porta-voz da polícia provincial.

Os disparos, que ocorreram no distrito de Zhari, são os mais recentes de uma série de ataques recentes no Afeganistão. O Taleban assumiu a responsabilidade pela ação. No mês passado, um falso policial matou a tiros dez colegas na província de Uruzgan.

O Taleban reivindica Kandahar como sua terra de origem, junto com a vizinha província de Helmand, onde a produção de papoula gera a maior parte da heroína mundial. Insurgentes atacaram a maioria dos distritos de Helmand nos últimos meses, em um esforço para retomar rotas de contrabando para drogas, minerais, armas e pessoas.

Os militares dos Estados Unidos anunciaram que pretendem reforçar a presença em Helmand, onde tropas afegãs combatem o Taleban há meses. Os militares do Afeganistão atualmente buscam também avançar sobre a área, mas há problemas como o cansaço dos soldados e também a corrupção.

A missão dos EUA e da Otan no Afeganistão é formada por 13 mil soldados, dos quais 9.800 são norte-americanos. Os militares têm como missão treinar, assessorar e auxiliar as tropas locais.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *