Últimas

Jesse Pinkman, de "Breaking Bad", pede emprego de zumbi em "Walking Dead"

Parece notícia do “Sensacionalista”, mas não é. Durante a entrevista de lançamento do longa de ação “Triple 9”, em Beverly Hills, o ator Aaron Paul, que interpretou Jesse Pinkman em “Breaking Bad”, disse que desde que a série terminou está tentando conseguir emprego de zumbi em “The Walking Dead”.

A declaração foi dada ao amigo de 15 anos Norman Reedus, que em “Walking Dead” interpreta o herói Daryl Dixon. Em “Triple 9”, um filme que retrata um intricada rede de crimes envolvendo a polícia de Atlanta e a máfia russa judaica, os dois são irmãos. O diretor do filme, inclusive, deixa dois “easter eggs” envolvendo “Walking Dead” e “Breaking Bad” – que a reportagem não vai revelar para não estragar a surpresa dos espectadores.

“Eu tenho implorado para ser um zumbi em ‘Walking Dead’ faz muito tempo. Quero ir para a escola de zumbis, fazer todo o processo…”, brinca Aaron Paul. “Cara, eu posso muito fazer isso acontecer”, responde Reedus.

“Mas não quero ser só um zumbi qualquer. Quero ser um zumbi proeminente”, diz o astro de “Breaking Bad.

Nesse momento, a reportagem do UOL interrompeu o ator dizendo que zumbis proeminentes só em “Game of Thrones”, em que os “white walkers” têm líderes, cavalos, e que os zumbis de “Walking Dead” são muito burros.

Foi quando Norman Reedus defendeu a cria: “Olha só, espertão do sci-fi, nossos zumbis são diferentes. E não precisamos de uma porra de dragão, também. Temos uns zumbis bem fodões, tá? (risos)”

Os dois amigos comentaram ainda sobre o fato de que seus personagens em “Breaking Bad” e “Walking Dead” deveriam ter morrido logo no início das séries.

“Eu nunca soube disso, mas esse era o plano quando eles filmaram o piloto [primeiro episódio]. Brian [Cranston] e eu estávamos juntos quando decidiram continuar com a série. Só que daí em diante toda a dinâmica mudou. Então em vez de o Jesse morrer eles decidiram transformá-lo em um dos grandes papéis.”

“O mesmo comigo. E eu descobri quando estava gravando o ‘Inside of the Actors Studio’. E aí o apresentador disse: ‘Você sabia que o Daryl era para ter morrido no episódio 4 da primeira temporada, né?’. E eu disse: ‘O que?’ Aí ele disse que resolveram mudar isso no episódio 3. E eu não sabia disso”, conta Norman Reedus.

Quando a reportagem disse que é possível perceber como seu nome vai subindo na hierarquia dos créditos de abertura (de sexto para segundo), Reedus fez uma piada: “Se cuida Rick [Grimes, protagonista interpretado por Andrew Lincoln]. Brincadeira, sou muito feliz de ser o Robin dessa dupla dinâmica.”

E sobre sua entrada triunfal na prèmiere desta temporada de “Walking Dead” no Madison Square Garden, em que subiu de moto no palco, Reedus contou que estava apavorado. (linkar meu texto sobre isso)

“Estava rolando uma tempestade naquele dia. Então eles botaram lá dentro, uma barulheira que eu não conseguia ouvir nada, aí me botaram no final da rampa e um cara me disse: ‘Seguinte: vamos ter que colocar esse tapete no piso porque tá muito escorregadio por causa da chuva!’ E eu: ‘O quê? O quê?’ E o cara: ‘Cinco, quatro, três…’ E eu: ‘Como assim escorregadia?’ E ele; ‘Dois, um, vai!’ E eu: ‘Quê???!!!’ Eu pensei que ia acabar matando alguém. Quando cheguei ao palco o Steven [Yeun, o Glenn] disse: ‘Conseguiu! Conseguiu!'”

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *