Namorado confessa ter assinado funcionária pública após discussão

Josinaldo Bernardino da Silva, 36 anos, confessou ter assassinado a funcionária pública Neide Pereira Souza, 51 anos, depois de uma discussão entre o casal. A vítima estava desaparecida deste o dia 12, quando saiu de casa encontrar o namorado na cidade Junqueiro.

Com a denúncia de familiares, Bernardino foi localizado na cidade de Teotônio Vilela, por militares da 4ª Cia Independente. Em seu depoimento, o acusado disse que matou a mulher e jogou o corpo dentro de uma fossa no quintal da casa.

O acusado disse ainda que cometeu o crime num momento de loucura e que nunca pensou em fazer isso com a namorada. No entanto, ele não sustentou seus argumentos justificar porque havia levado os móveis da casa depois de cometer o homicídio.
Os objetos foram localizados com o acusado, além de uma bolsa e o aparelho celular. De acordo com a Polícia, a funcionária pública morreu no mesmo dia em que saiu de casa. “Foi tudo muito rápido, ela estava comigo no sitio quando discutimos e eu a matei”, afirmou Bernardino, acrescentando que cometeu o crime com as próprias mãos.
 

Por Cadmainuto

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *