Últimas

Polícia sueca investiga morte de jovem em briga entre refugiados

Copenhague, 14 fev (EFE).- A polícia sueca investiga a morte na noite de sábado de um jovem solicitante de asilo após uma briga que envolveu vários refugiados diante dos imóveis onde vivem em Ljusne, ao norte de Estocolmo.

Um suspeito permanece detido e outras três pessoas foram interrogadas em uma disputa na qual três jovens ficaram levemente feridos, informaram neste domingo as autoridades suecas.

“Nada indica que pessoas que não moram nas casas estejam envolvidas nos fatos”, declarou à televisão pública “SVT” Christer Nordström, porta-voz policial.

Trata-se do segundo incidente mortal vinculado a uma moradia tutelada para refugiados nas últimas semanas, depois que uma trabalhadora social morreu em 25 de janeiro em Mölndal (oeste da Suécia) ao ser atacada supostamente por um jovem residente, que permanece detido desde então e é suspeito de homicídio.

Treze pessoas, a maioria de origem polonesa, foram detidas nesta semana por preparar um ataque a um centro de amparo de refugiados em Nynäshamn, ao sul de Estocolmo.

Segundo estatísticas oficiais divulgadas recentemente pelas autoridades suecas, a porcentagem de delitos vinculados a refugiados desde outubro, quando aconteceu a grande onda de solicitantes de asilo, não representa no entanto mais de 1% do total.

A Suécia recebeu no ano passado 163 mil solicitantes de asilo, o número per capita mais alto da União Europeia e que provocou que o governo restringisse os benefícios aos peticionários, além de introduzir controles fronteiriços provisórios e outras medidas para reduzir o fluxo migratório.

A Suécia espera receber neste ano entre 70 mil e 140 mil solicitantes de asilo, segundo o último previsão oficial.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *