Últimas
educação

Reserva Técnica da Educação cobra implantação de cronograma de convocação

Grupo realizou caminhada pelas ruas do Centro para pedir um posicionamento do Estado

 

Integrantes da reserva técnica da Educação realizaram na manhã desta quinta-feira (25) um ato no Centro de Maceió para sensibilizar o governo para que eles sejam convocados. Eles cobram a implantação de um cronograma de convocação da categoria.

O grupo deu início a uma caminhada pelas ruas do Centro saindo da Praça Dom Pedro II, passando pela Rua João Pessoa (antiga Rua do Sol) até o palácio República dos Palmares.

Um dos representantes do movimento, Esdras Mariano, disse que os integrantes da reserva técnica cobram a implantação de um cronograma para a convocação dos aprovados.

“A gente vem há dois anos nessa luta e o Estado convocando monitores a todo momento justificando que a Lei de Responsabilidade Fiscal não permite a convocação, mas vejo que a segurança ta andando, outras pastas também e a educação ta ficando para trás”, disse.

Ele também destacou que a validade do concurso da Educação, realizado em 2013irá expirar no próximo dia 12 de março. “Nós estamos vendo os índices de analfabetismo e estamos fazendo esse pedido para que haja um posicionamento sobre nossa situação e converse com a gente. Com essa liminar e todas essas notícias ruins, não temos como ficar esperando”, completou.

Ao blog do Davi Soares, o governador Renan Filho disse que as incertezas na arrecadação deste novo ano de crise obriga seu governo a buscar melhores condições financeiras para realizar a efetivação dos concursados. Por isso, antecipou que vai a informação de que vai prorrogar a validade do concurso realizado em 2013, cuja expectativa é de ingresso de 1500 concursados nas escolas.

Leia mais: Renan Filho reafirma promessa de prorrogar concurso e convocar professores

A Secretaria de Estado da Educação informou que irá se posicionar por meio de nota oficial sobre os questionamentos da reserva técnica.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *