Últimas

Tribuna SBTpedia: Precisamos falar sobre a violência contra a mulher… no Casos de Família, por Rafael Fialho

Precisamos falar sobre a violência contra a mulher … no Casos de Família

Por Rafael Fialho* (rafaelbfialho@gmail.com)

Ocupando um espaço privilegiado na arena dos mais variados debates da sociedade, a televisão não deve ser desconsiderada também na reflexão sobre a violência, já que cotidianamente veicula temas a serem discutidos na esfera pública e estimula a participação da sociedade civil, dando lugar a múltiplas vozes.


Dentre os programas que trazem a pauta da violência contra a mulher, Casos de Família apresenta-se como um exemplo interessante e merecedor de análises porque se dedica recorrentemente a abordar o tema, que aparece em muitas edições da atração. O programa é exibido diariamente desde 2004 e uma pesquisa no Youtube mostra que só entre 2011 e 2015, a violência já foi assunto central por mais de 16 vezes, sem contar as ocasiões em que a questão emergiu nas histórias contadas, mesmo em programas com temáticas diferentes. Desse modo, enxergamos a produção comandada por Christina Rocha como um lugar privilegiado para exposição do tema, dada a audiência e popularidade que atinge. 



Em 2016 completamos os 10 anos de aprovação da Lei Maria da Penha, que cria mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. Em várias edições do programa esse aparato legal contra a violência é citado e também questionado pela apresentadora, que fica exaltada tanto para expulsar os agressores do palco quanto para cobrar medidas mais rígidas em relação à aplicação da lei. Assim, assistir e refletir sobre Casos de Família é também uma forma de visualizar a difusão da referida lei e o modo como ela é percebida e representada pela mídia.
O tema é tão complexo que daria uma tese de doutorado. E é o que vai acontecer: no próximo mês inicio o curso de Doutorado em Comunicação na Universidade Federal de Minas Gerais com o projeto de pesquisa intitulado “O pessoal (e o popular) são políticos: Casos de Família e a visibilidade da violência doméstica contra a mulher”. Ainda há muito que discutir, como já ressaltei em outro texto aqui no SBTpedia.

Mas para começar, coloco abaixo uma lista com alguns vídeos de edições temáticas sobre a violência doméstica. Pode-se questionar a maneira pela qual o programa trata o tema; mas não se pode dizer que ele não conscientiza o público a respeito de um problema tão grave e tão comum em nossa sociedade.

 


*É jornalista mestrando em Comunicação Social pela UFMG e fez do SBT seu objeto de estudo: pesquisa o canal há tempo e atualmente estuda a interação da emissora com seu público a partir da análise das vinhetas institucionais. Atualmente escreve artigos de opinião às quartas-feiras no SBTpedia. Para conhecer seus trabalhos sobre o SBT, mandar críticas, sugestões ou trocar ideias, escreva para rafaelbfialho@gmail.com 



Fonte: SBTpedia (www.sbtpedia.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *