Acordo de cooperação técnica vai viabilizar Pacto por Suape Sustentável

O governo de Pernambuco, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e a Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores firmam, nesta segunda-feira, um acordo de cooperação técnica para viabilizar o projeto “Pacto por Suape Sustentável”. A solenidade acontece esta manhã no Palácio do Campo das Princesas, com a presença do governador Paulo Câmara.

O objetivo é promover o desenvolvimento socioambiental do Complexo Industrial Portuário, em Ipojuca, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Publicado no Diário Oficial da União, no último dia 15 de fevereiro, o projeto vai receber investimento da ordem de R$ 1,2 milhão e terá duração de 24 meses.

O Pacto prevê o desenvolvimento de planos estratégicos para as comunidades de Suape e suas extensões territoriais. Entre as ações elaboradas pelo projeto estadual estão a sistematização de estudos de vulnerabilidade e necessidades ambientais, além da capacitação de equipes técnicas do Complexo Portuário e dos municípios do Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *