Últimas

Atentado em metrô de Bruxelas pode ter tido a participação de uma 2ª pessoa

Bruxelas, 24 mar (EFE).- Um segundo homem pode ter participado do atentado na estação de metrô de Maelbeek em Bruxelas, além de Khalid El Bakraoui, informou nesta quinta-feira a emissora pública de televisão “RTBF” em seu site.

Khalid El Bakraoui, de 27 anos, se explodiu com o artefato que carregava junto ao corpo em um vagão do metrô na estação de Maelbeek, que fica a poucos metros das sedes de instituições da União Europeia, deixando ao menos 20 mortos e mais de 100 feridos.

A “RTBF” afirmou hoje que outro homem pode ter participado do massacre.

O novo suspeito foi flagrado pelas câmaras de vigilância com uma grande bolsa, mas, por enquanto, sua identidade ainda é desconhecida e tampouco se sabe se ele morreu no atentado ou se fugiu.

Ibrahim El Bakraoui, de 29 anos e de nacionalidade belga como seu irmão, é um dos dois jihadistas que se explodiram no aeroporto de Bruxelas, assim como outro homem, cuja identidade ainda não foi determinada, afirmou em entrevista coletiva o procurador federal, Frédéric Van Leeuw.

No entanto, fontes policiais revelaram a vários veículos de imprensa belgas que esse segundo terrorista suicida do aeroporto de Zaventem é Najib Laachraoui, suspeito de estar diretamente vinculado com a organização dos ataques jihadistas de Paris.

Os dois terroristas suicidas de Zaventem são vistos em uma imagem captada pelas câmeras do aeroporto, que deu a volta ao mundo, ao lado de um terceiro integrante da célula jihadista. Sabe-se que este último conseguiu fugir, mas sua identidade ainda é desconhecida, conforme revelou Van Leeuw na entrevista coletiva.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *