BBB16: Declaração de Munik levanta polêmica sobre racismo

Favorita ao prêmio de R$ 1,5 milhão no Big Brother Brasil 16, Munik está em cheque desde que deu uma declaração polêmica, no último domingo (27), logo após a exibição ao vivo. Em conversa com Geralda, ela disse: “estou parecendo a ‘nêga’ aqui. Munik, a nêga do BBB”.

 

A goiana fez o desabafo alegando que fazia todo o trabalho doméstico da casa. Foi o suficiente para uma enxurrada de comentários invadir o Twitter criticando o comentário. Foram várias  citações #Munikracista. 

 

“Sem dúvidas, é uma afirmação descabida e nojenta. Ela atingiu não só a minha pessoa, que era quem limpava a casa, como todos os negros. Qualquer declaração nesse sentido é racismo. Isso é fato”, criticou a advogada e ex-sister Adélia, em entrevista ao jornal Extra.

 

Apesar das muitas críticas, houve quem defendesse Munik e a hashtag #MunikNossoOrgulho foi citada mais de 60 mil vezes.  Doraci Nunes, mãe da morena, a  defendeu.  


“Tenho certeza que ela não é racista. Como ela seria se o avô dela, meu pai, era negro? E sou mulata. Ela falou isso sem maldade. Essa polêmica é coisa de gente recalcada”.

 

Para o presidente da Comissão de Combate às Discriminações e Preconceitos de Raça, Cor, Etnia e Religião da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, deputado estadual Carlos Minc, a declaração de Munik é a prova de que a sociedade é preconceituosa. Ele, no entanto, pondera.

 

“Uma herança cultural profunda. As leis ajudam a melhorar a sociedade, mas não vai ser ela (lei) que vai acabar com o preconceito. As pessoas estão acostumadas a ver o negro como o que sempre faz os trabalhos mais pesados e mal remunerados. Ela reproduziu o que muitas pessoas dizem porque é o senso comum, e errado. Mas não podemos fazer dela a pior pessoa do mundo. O lado bom disso é que foi dito no BBB e gerou uma discussão. Isso é importante, temos que discutir sobre o tema”, avaliou Minc ao Extra.

 

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *