Últimas

BMG mantém liderança do ranking de reclamações de clientes no Banco Central

O banco BMG continua na liderança do ranking de reclamações de clientes contra instituições financeiras, segundo informou nesta terça-feira o Banco Central (BC). O banco está à frente na lista de bancos e financeiras com mais de 2 milhões de clientes e superou o Itau no índice do BC.

O BMG registrou índice de 66,40, bem distante do Itau, que ficou em segundo lugar, com 8,53. O índice do Bradesco chegou a 8,41. No mês passado, o BMG já tinha configurado no topo da mesma lista, com índice de 71,85.

Para elaborar o ranking, as reclamações são divididas pelo número de clientes da instituição financeira que originou a demanda e multiplicadas por 1 milhão. Assim, é gerado o índice, que representa o número de reclamações de cada instituição financeira para cada grupo de 1 milhão de clientes.

Irregularidades

Em fevereiro, o número de reclamações consideradas procedentes pelo BC contra o BMG ficou em 154. No caso do Itaú, foram 513 reclamações e do Bradesco, 651.

No total, o BC recebeu em fevereiro 2.669 reclamações consideradas procedentes. A principal reclamação, com 300 casos, está relacionada a irregularidades envolvendo a integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de crédito. Em seguida, ficaram as queixas (259) relacionadas a oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada. Em terceiro lugar (217), a cobrança irregular de tarifa por serviços não contratados.

A Agência Brasil entrou em contato com as assessorias dos bancos BMG e Itaú e aguarda um posicionamento dessas instituições. A reportagem não conseguiu falar com a assessoria do Bradesco.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *