Depressão distanciou Cara Delevingne das passarelas

Em entrevista à revista Motto, da Time, Cara Delevingne confessou que decidiu deixar as passarelas e a vida de modelo porque essa profissão estava começando a afetar sua saúde.

A modelo e atriz comentou que estava sempre muito estressada, porque tudo na indústria da moda girava em torno de seu corpo, de se ver bem para ser aprovada, e isso lhe causou uma séria depressão.

Cara confessou que na indústria fashion perdeu completamente a visão sobre o que a fazia realmente feliz e a sentir-se bem sucedida.

“Os problemas começaram quando me senti pressionada para que todos gostassem de mim, para ter a aprovação de todo mundo… eu sabia que eu tinha que reavaliar a minha vida e minhas metas do futuro. Aprendi que o trabalho e a aprovação dos demais não são as coisas mais importantes nesta vida. Claro, sua carreira é muito importante, mas não é o mais importante”, garante.

Embora continue recebendo convites para as passarelas, Delevingne afirmou que hoje faz o que realmente a apaixona: a atuação.

Cara Delevingne e Kendall Jenner sensualizam com Rihanna
Rihanna está em Paris gravando filme com Cara Delevingne
Cara Delevingne faz aula de surfe e mostra corpo sequinho

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *