Últimas

Djokovic se desculpa por ter dito que homens deveriam ganhar maiores prêmios

Miami (EUA), 23 mar (EFE).- O tenista número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic, pediu desculpas nesta quarta-feira pelo mal-entendido que gerou no domingo passado ao sugerir que os homens deveriam ganhar mais que as mulheres porque atraem maiores públicos.

“Nós merecemos uma melhor distribuição da riqueza gerada no circuito dos torneios, e me refiro a todos os gêneros, não só aos homens”, esclareceu Djokovic em entrevista coletiva antes de sua estreia no Masters 1.000 de Miami.

O sérvio assegurou que sempre se posiciona contra a “desigualdade de gênero e de oportunidades no esporte ou em qualquer outro aspecto da vida”.

Após vencer o torneio de Indian Wells no domingo, Djokovic disse que os tenistas do circuito masculino deveriam receber maiores prêmios, uma vez que as estatísticas mostram que têm maior audiência.

Além disso, o sérvio louvou as mulheres pelo esforço físico que realizam, inclusive com suas periódicas alterações hormonais.

“Sei pelo que passam com seus corpos, que são tão diferentes aos dos homens (…) Vocês sabem, os hormônios e essas coisas, não precisamos entrar em detalhes. As mulheres sabem do que falo. Tenho grande admiração e respeito por elas por lutar em tão alto nível”, declarou no domingo passado.

Em seguida, o sérvio recebeu várias críticas de colegas como Serena Williams, que qualificou suas declarações de “decepcionantes”, e Andy Murray, que se mostrou a favor de que haja “prêmios iguais para todos”.

Djokovic contou hoje que trocou mensagens com ambos tenistas para esclarecer sua opinião a respeito.

Em comunicado prévio que divulgou através das redes sociais, o sérvio havia dito que queria estar “seguro” de esclarecer que suas intenções eram outras, e que está muito triste se “prejudicou de alguma maneira” suas companheiras, pelas quais tem um grande respeito.

“Não faço diferença entre os gêneros, minhas crenças coincidem com a igualdade de gêneros e oportunidades, pois todos fazemos parte do mesmo esporte e todos contribuímos a ele de uma maneira única”, destacou hoje.

Por fim, Djoko afirmou estar “surpreendido e comovido” pela dimensão alcançada por este debate e lamentou a confusão.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *