Dunga diz que "time poderia ter sido mais viril" diante do Uruguai

Recife (Brasil), 25 mar (EFE).- O técnico Dunga mostrou certo descontentamento com a defesa da seleção brasileira depois do empate em 2 a 2 nesta sexta-feira com o Uruguai, e pediu mais virilidade aos jogadores.

“O time poderia ter sido mais viril”. “Temos que melhorar (…) com jogadas aéreas, frontais, mais no corpo a corpo. É essa a mentalidade que a Eliminatória precisa”, disse Dunga em entrevista coletiva depois da partida.

Para Dunga, os defensores deveriam ter respondido com mais força, especialmente em relação ao atacante Luis Suárez, autor do segundo gol, que o treinador qualificou como um jogador difícil de marcar, que “vai muito no corpo”.

“Tivemos mesmo algumas situações que não são normais pela experiência dos nossos jogadores”, comentou o treinador do Brasil, que também considerou que sua equipe deve melhorar na defesa das jogadas aéreas.

No lado positivo, Dunga avaliou que o primeiro tempo do Brasil foi provavelmente o melhor da seleção nas Eliminatórias até agora, enquanto na segunda etapa, admitiu que o Uruguai foi melhor que a seleção brasileira.

O empate deixou o Uruguai na segunda colocação das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo da Rússia, com dez pontos, enquanto o Brasil ocupa a terceira colocação com oito pontos, ao lado de Paraguai e Argentina.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *