Eboué é suspenso por 1 ano por dívida com empresário e pode deixar Sunderland

Redação Central, 31 mar (EFE).- O zagueiro marfinense Emmanuel Eboué foi suspenso de qualquer atividade relacionada ao futebol por um ano ou até pagar o montante total de uma dívida com seu ex-agente, segundo informações divulgadas nesta quinta-feira pela Fifa em comunicado.

Com a punição, o Sunderland, clube com o qual Eboué assinou contrato há três semanas, comunicou ao atleta de 32 anos o desejo de romper o vínculo.

O caso parte de uma disputa do jogador com Sebastien Boisseau. O Comitê do Estatuto do Jogador da Fifa ordenou em julho de 2003 que o jogador pagasse ao agente sobre a base do acordo que havia entre eles.

Em 9 de setembro de 2014, o Comitê Disciplinar da Fifa decidiu punir o defensor com uma multa de 30 mil francos suíços (R$ 110,9 mil) por não cumprir a decisão do juiz único do Comitê do Estatuto do Jogador, segundo o artigo 64 do Código Disciplinar.

Eboué então recebeu um último período de carência de 120 dias para liquidar a dívida. Em caso de descumprimento, Boisseau teria o direito de solicitar uma suspensão de um ano, o que acabou acontecendo. O atleta até recorreu à Corte Arbitral do Esporte (CAS) contra a decisão do Comitê Disciplinar da Fifa, mas a apelação foi negada.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *