Fora no Bahrein, Alonso diz que sofreu fraturas nas costelas após acidente

Redação Central, 31 mar (EFE).- O espanhol Fernando Alonso, McLaren, explicou nesta quinta-feira que fraturas nas costelas, em decorrência do acidente sofrido duas semanas atrás na Austrália, o tiraram do Grande Prêmio do Bahrein de Fórmula 1, que será disputado neste fim de semana.

“Eu tive um pequeno pnemotórax no pulmão, então, segui o conselho dos médicos de descansar. Isso está mais ou menos igual, mas tenho algumas fraturas nas costelas, por isso, é arriscado pilotar”, disse o duas vezes campeão mundial, em entrevista coletiva.

O piloto da McLaren revelou que passará por uma segunda tomografia computadorizada nesta segunda-feira, em que será reavaliado. Neste fim de semana, ele será substituído pelo belga Stoffel Vandoorne, atual campeão da GP2 e piloto reserva da equipe.

O veto a presença de Alonso foi feito pelos médicos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA). O espanhol admitiu ter ficado decepcionado e triste, mas que compreende e respeita a decisão tomada, que o tirou de Grande Prêmio que venceu três vezes, em 2005, 2006 e 2010.

Questionado sobre a presença no GP da China, daqui duas semanas, Alonso admitiu que existe possibilidade de que isso não aconteça, mas que prefere esperar as próximas avalições físicas a que será submetido.

“Antes de qualquer coisa, vem a segurança, portanto, espero que esteja tudo ok, embora tenha que esperar”, disse o dono do carro número 14.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *