Últimas

Grécia atinge etapa-chave para discutir dívida com credores

Bruxelas, 8 Mar 2016 (AFP) – Ameaçada com uma crise humanitária iminente, devido ao intenso fluxo de refugiados, a Grécia atingiu, nesta segunda-feira, uma etapa fundamental nas negociações com seus credores que prometeram examinar um alívio da dívida.

“Tivemos uma reunião muito boa”, resumiu o ministro grego das Finanças, Euclide Tsakalotos, depois de um encontro em Bruxelas com seus 19 grandes credores da zona euro.

Há um mês, as negociações atravessam dificuldades entre a Grécia e seus credores – a Comissão Europeia, o FMI, a Banco Central Europeu (BCE) e os fundos de apoio da zona euro (MES) -, em especial sobre o esforço orçamentário a ser realizado por este país e sobre a reforma das aposentadorias.

Os chefes de missão dos credores que passaram pelo país em fevereiro retornam nesta terça-feira.

“Estou feliz que um acordo tenha sido atingido para que os chefes de missão voltem para Atenas a partir de amanhã (terça)”, declarou comissário europeu de Assuntos Econômicos, Pierre Moscovici.

O ministro Tsakalotos também comemorou: “as instituições aceitaram voltar. O FMI também aceitou voltar a despeito das diferenças”.

Segundo previsões da Comissão Europeia, em 2016, a dívida pública grega deve atingir 185% do PIB.

Em relação à dívida pública da Grécia, “temos uma promessa de longa data, quanto a se o governo grego cumpria seus compromissos. Faremos todo o necessário para torná-la administrável”, afirmou o presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem.

bur-clp/mad/cr/tt/lr

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *