Últimas

Internet da Bélgica está congestionada após atentados terroristas

Após os ataques terroristas a um aeroporto e uma estação de metrô de Bruxelas, na Bélgica, autoridades do policiais e do governo belga afirmam que a conexão da internet do país está prejudicada devido ao excessivo número de pessoas que estão conectadas buscando informações sobre o ocorrido.

Pelo Twitter, o vice-primeiro ministro belga Alexander de Croo disse que muitas pessoas estão tentando se conectar às redes móveis de seus smartphones para buscar informações sobre o estado de parentes e amigos que poderiam ter sido vítimas dos atentados. A situação é semelhante a que aconteceu nos Estados Unidos nos ataques ao World Trade Center, em 2001.

Please use as much as possible social media & messaging apps. Avoid calling to minimize saturation of mobile network https://t.co/9lYKuMW4nl

— Alexander De Croo (@alexanderdecroo) 22 de março de 2016

De Croo ainda pede que internautas evitem utilizar realizar ligações, enviar mensagens utilizando a conexão de redes móveis. Ele também aconselhou que o uso do WhatsApp e Twitter sejam feitos via Wi-Fi, assim como Facebook. A rede social, inclusive, lançou o recurso de Confirmação de Segurança para ajudar nas comunicações.

Além dele, a página oficial do governo da Bélgica no Facebook também solicitou a redução do consumo de dados para aliviar o tráfego da rede digital. No texto, o governo pede que os internautas não utilizem serviços de streaming de vídeo ou músicas. O uso desses serviços consome uma grande quantidade de dados e prejudicam a internet do país para os outros usuários.

Via Huffington Post
Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *