Últimas

Jogador do Zurich é acusado por estupro quando estava no Sunderland

O caboverdiano naturalizado suíço Cabral, que está atualmente no Zurich, vai a julgamento a partir do mês que vem por uma acusação de estupro. O incidente teria ocorrido no dia 25 de janeiro do ano passado, que ele estava no Sunderland. Ele responde por dois crimes do mesmo tipo cometidos em Gateshead, e fez sua última aparição na corte de Newcastle em novembro do ano passado. Ele chegou a ser companheiro de Adam Johnson, acusado pelo mesmo motivo.

Cabral, que na verdade se chama Adilson Tavares Varela, nasceu em Cabo Verde, mas é naturalizado suíço. De acordo com a polícia de Northumbria, ele foi preso em janeiro, logo após o ocorrido, e foi formalmente acusado de estupro em junho. Ele se declarou inocente.

O volante teve o seu melhor momento defendendo o Basel. Em 2013 chamou a atenção do Sunderland e foi contratado. Mas nunca conseguiu se firmar e fez apenas uma partida pelo clube. Chegou a ser emprestado ao Genoa.

Depois das acusações, o Sunderland entrou em acordo com Cabral para a rescisão de contrato, e ele acabou indo para o Zurich.

Curiosamente, ele foi companheiro de Adam Johnson no Sunderland. O atacante também foi acusado de estupro. Ele foi considerado culpado e pode pegar até 10 anos de prisão.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *