Últimas

Lugano: "O São Paulo voltará a seu um exemplo para o Brasil"

Em entrevista ao programa Bem Amigos, do SporTV, na noite desta segunda-feira,o zagueiro são-paulino Lugano disse que o torcedor do Tricolor do Morumbi pode aguardar muito trabalho do jogador dentro e fora de campo e que os tempos de glória voltarão.

“Conheci o clube que era exemplo no Brasil, time arrumado, dava inveja. O São Paulo procura voltar a ser aquela instituição exemplar. Por isso posso ser útil institucionalmente. Conheci aquele São Paulo e sei que logo irei encontrar a sua grandeza novamente. Não serão um ou dois anos ruins que irão tirar a essência do clube. Posso colaborar com a minha experiência e minha imagem para unir a instituição e conseguir os resultados esportivos que queremos”.

Perguntado se pode vir a ser a referência do time mesmo com 35 anos e vindo de uma série de lesões nos últimos 18 meses, Lugano lembrou que o clube deixou claro que a sua história e a identificação com a torcida são muito mais importantes do que o resultado em campo e que ele não podia deixar de ajudar o clube mais importante de sua vida.

“Tenho uma certeza. Se o São Paulo estivesse num momento ótimo eu não estaria aqui. O clube vem de anos complicados, com turbulências como nunca teve. O clube precisava de mim e eu não podia virar as costas, crise, saída do maior jogador da história do clube. Como não ajudar o clube a que eu devo a minha vida e tudo o que sou”?

O zagueiro disse que vem aprimorando a sua forma física e que confia nos preparadores para jogar em alto nível.

“Não estou 100 por cento. Por mais que eu treine como um maluco, foram poucos dias no grupo, só três jogos que fiz. Só jogando mais ficarei bem. Venho de um ano e meio de lesões importantes e isso é um complicador. Mas o São Paulo tem estrutura muito grande e eles sabem meus defeitos e confio neles para que nesta última etapa da carreira possa fazer o melhor possível”.

E quando perguntado se poderia não jogar a partida  de quinta-feira em Buenos Aires, pela terceira rodada da Libertadores, Lugano foi enfático:

“Eu não jogar esta partida? Está louco”?

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *