Morre o húngaro Imre Kertesz, vencedor do Nobel de Literatura em 2002

O ganhador do prêmio Nobel de Literatura em 2002, o húngaro Imre Kertesz, morreu nesta quinta-feira (31) em sua casa, em Budapeste, aos 86 anos de idade, informou a agência “MTI”. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Judeu húngaro nascido em Budapeste, Kertesz foi um dos sobreviventes dos campos de concentração nazis, para onde foi deportado com apenas 15 anos.

Sua obra mais conhecida ,”Sem destino” (Sorstalanság), descreve justamente a experiência de um rapaz de 15 anos nos campos de concentração de Auschwitz-Birkenau, Buchenwald e Zeitz. 

Segundo a Academia Sueca, a obra de Imre Kertész retratava os campos de concentração nazis como “a derradeira verdade” sobre o quão baixo os seres humanos conseguem chegar.

O escritor também foi um renomado tradutor para o húngaro de obras em língua alemã, como as de Elias Canetti, Sigmund Freud, Hugo von Hoffmannstahl, Friedrich Nietzsche, Joseph Roth e Arthur Schnitzler.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *