Últimas

Neymar diz que não há comparação entre trio do Barcelona e da seleção

Para Neymar, não há comparação entre os trios de ataque do Barcelona, formado por ele ao lado de Lionel Messi e Luis Suárez, e da seleção brasileira, onde ele tem a companhia de Willian e Douglas Costa.

O jogador afirmou que os dois atuam de forma muito distintas, mas mostrou confiança em seus companheiros de amarelinha para enfrentar o Uruguai nesta sexta-feira (25), na Arena Pernambuco, pela 5ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, de 2018. 

“Não dá para comparar porque são esquemas diferentes, são jogadores diferentes. E jogar com Douglas e Willian é uma grande honra, eu sempre falo isso. São dois grandes craques, jogadores que podem fazer a diferença. São rápidos e sei que vão dar conta do recado (contra o Uruguai)”, afirmou o jogador em entrevista coletiva na véspera da partida.

Nesta sexta-feira, inclusive, Neymar enfrentará Suárez pela segunda vez na carreira. Hoje companheiro de Barcelona, os dois não escondem que têm uma grande amizade fora de campo. A ponto de o brasileiro procurar uma casa na mesma região do uruguaio, para que o relacionamento fique ainda mais próximo.

Na entrevista, o camisa 10 brasileiro brincou com o fato de não poder fazer o aquecimento ao lado de Neymar. Eles sempre protagonizam brincadeiras no pré-jogo do Barcelona, para o delírio dos torcedores. Nos treinos, o uruguaio é chamado por ele de El Gordo.

“A gente estava se falando por mensagem esse dias. Que a gente ia sentir falta um do outro no aquecimento, que a gente sempre aquece junto, brincando. A nossa amizade… Bem a gente formou uma grande amizade. Não só com ele, mas eu, Suárez e Messi. Além de dar certo dentro de campo, que é o mais importante”, completou.

Assim como Suárez é o principal jogador da Celeste, Neymar também não foge da responsabilidade de ser o principal jogador da equipe pentacampeã.

“Vocês me perguntam isso (responsabilidade de ser o melhor do time) há alguns uns anos. Mas não é um peso. Toda equipe tem sua referência, tem jogador que se destaca mais. Mas preciso jogar bola, ser líder e ir bem. Não adianta ficar só em palavras”, finalizou.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *