Últimas

Prefeitura de Mariana convoca moradores para ato pela Samarco

A prefeitura de Mariana intimou funcionários e alunos das escolas municipais a participarem de uma passeata a favor do retorno das atividades da Samarco. O ato está marcado para hoje às 9h. A ação contaria como dia letivo, mas, após reações, a prefeitura desistiu de considerar o protesto uma compensação ao sábado de aulas previsto para 21 de maio.

Comunicado interno encaminhado na quinta-feira pela Secretaria Municipal de Educação aos diretores das escolas do município utiliza os termos “convocar” e “deverão comparecer”. Cita, inclusive, que é responsabilidade da equipe diretiva da escola “mobilizar a participação de todos os funcionários e alunos”, cabendo à prefeitura providenciar transporte e dois lanches para os estudantes.
“Isso é coação”, avaliou o movimento Um Minuto de Sirene, formado por moradores de Mariana e Ouro Preto que cobram explicações sobre a tragédia ocorrida em 5 de novembro, quando a barragem de Fundão se rompeu e despejou um tsunami de lama sobre a região, destruindo distritos e causando danos sérios ao Rio Doce. “Não se trata de mero convite de caráter opcional, mas de uma convocação à qual não se pode dizer não.”

A secretaria admitiu — em nota assinada pelo prefeito, Duarte Júnior, e pela secretária de educação, Juliana Ferreira — que errou na elaboração do comunicado: “A bem da verdade, o pedido do senhor prefeito foi no sentido de que esta secretaria convidasse toda sua equipe a se engajar no evento que se revela de interesse do município e de todos os marianenses”. Também esclareceu que “respeita o direito ao livre pensamento de cada um dos nossos servidores e que nenhum deles sofrerá qualquer sanção, em nenhuma hipótese, em razão de sua livre escolha”.
Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *