Renovar o contrato com Atlético-MG é uma das metas do substituto de Victor

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Titular do Atlético-MG nos dois últimos jogos, Giovanni quer aproveitar chance para renovar o contrato

    Titular do Atlético-MG nos dois últimos jogos, Giovanni quer aproveitar chance para renovar o contrato

No Atlético-MG desde janeiro de 2011, o goleiro Giovanni tem um motivo muito especial para comemorar a sequência de jogos importantes nesta temporada. O jogador de 29 anos deve ser o titular na meta alvinegra nas próximas seis partidas, no mínimo, oportunidade ideal para conseguir a renovação contratual com o clube. O atual vínculo com o Atlético se encerra em dezembro.

“A gente até fica preocupado quando chega perto do final do contrato. Como no ano passado, que não tive nenhuma oportunidade. Então a gente fica preocupado sim, pois temos família, queremos jogar. Quando você não joga, você some. Mas nunca reclamei, procurei sempre trabalhar e ajudar meus companheiros. Estou sempre trabalhando sério no CT, então vou procurar cada vez mais abraçar da melhor maneira possível”, comentou o goleiro, que se vê melhor preparado para jogar agora do que era em 2011, quando chegou à Cidade do Galo.

“Eu sempre trabalhei para melhorar. Graças a Deus eu tenho evoluído, muito na parte técnica. A maturidade também chegou. Quando cheguei aqui no Atlético eu tinha apenas 23 anos. Hoje já estou com 29 anos e a cabeça está bem melhor do que naquela época”.

A chance de jogar veio com a lesão de Victor. O goleiro titular do Atlético vai ficar pelo menos um mês afastado dos gramados, para se recuperar de uma artroscopia no joelho direito. O procedimento cirúrgico foi na quarta-feira e no dia seguinte o camisa 1 alvinegro já começou o trabalho com a fisioterapia.

Como a expectativa é que Giovanni seja o titular do Atlético até a metade de abril, o goleiro quer saber é de aproveitar a chance. São jogos importantes pela Copa Libertadores e também pelo Campeonato Mineiro. “A gente não quer que seja assim, mas são coisas do futebol. Então é estar preparado para quando a oportunidade aparecer. Estava preparado e fui bem contra o Colo-Colo”, disse Giovanni, que foi eleito pela Conmebol o melhor jogador em campo.

“Foram defesas importantíssimas, graças a Deus consegui fazer. Agora é trabalhar, pois temos mais um jogo importante pela frente, contra o Tupi, no final de semana”.

O desejo de renovar é muito grande, mesmo com a chance de ficar livre nos próximos meses e acertar com alguma outra equipe. Algo que poderia parecer lógico, já que Giovanni sabe que dificilmente vai ser o titular do Atlético enquanto Victor permanecer na Cidade do Galo. No entanto, nenhum problema para o goleiro, que destaca a chance de fazer parte de um elenco forte e vitorioso como sua prioridade.

“Olhando de outra forma, eu estava no banco de um dos melhores goleiros do Brasil, de um dos melhores times do Brasil. Então eu tinha que trabalhar e esperar pela oportunidade, para aproveitar, como estou aproveitando agora”, completou Giovanni.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *