Últimas

Spotify pode pagar até US$ 30 milhões em direitos autorais

O serviço de streaming de música Spotify fechou um acordo sobre royalties não pagos aos editores de música dos Estados Unidos. A quantia pode chegar a US$ 30 milhões.

No acordo com o National Music Publishers’ Association, a empresa terá de desembolsar entre US$ 16 milhões e US$ 25 milhões em direitos autorais, além de US$ 5 milhões de um “fundo bônus”.

Em troca, as produtoras podem optar em não avançar com os processos de violação de direitos autorais. No ano passado, uma ação coletiva foi movida contra a empresa pedindo US$ 150 milhões pela distribuição de conteúdo protegido.

Além disso, o Spotify pode atrair de volta para o seu serviço artistas como Adele e Taylor Swift que tiveram conflitos com a empresa em relação aos termos de royalties impostos.

Via Fortune

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *