Últimas

Suspeito preso pelos ataques de Paris, sai de hospital

O suspeito de ser o principal terrorista responsável pelos ataques em Paris, em novembro do ano passado, Salah Abdeslam, e preso na sexta-feira, foi liberado do hospital onde estava sendo tratado de um tiro na perna. Segundo seu advogado, Sven Mary, ele será interrogado hoje.

O primeiro-ministro da Bélgica, Charles Michel, disse que trabalhará o mais rápido possível para extraditar Abdeslam para Paris, conforme solicitado pelas autoridades francesas. O advogado, no entanto, disse que irá lutar para evitar a extradição.

Salah Abdeslam foi capturado na sexta-feira (18) em Bruxelas, a capital da Bélgica, após quatro meses de investigação. Impressões digitais de Abdeslam foram encontradas em um bairro no subúrbio de Bruxelas durante a semana e ele foi preso ontem no bairro de Molenbeek.

O advogado Sven Mary deu entrevista após encontro do suspeito com um magistrado belga, que será o responsável por decidir se será emitido um pedido de prisão formal.

O ministro do interior francês, Bernard Cazeneuve, disse esperar que o suspeito seja levado para a França, onde “enfrentará a justiça”.

Apesar da prisão, Cazeneuve e o primeiro-ministro da Bélgica disseram que a luta não está acabada. Na Bélgica, o alerta contra terrorismo permanece em 3, de uma escala de 4 pontos.

Autoridades da França e da Bélgica planejam uma teleconferência para este sábado, no qual será discutida a extradição de Salah Abdeslam.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *