Após confusão em MG, Naldo diz que quer investir em carreira internacional

Naldo Benny afirmou em entrevista exibida na tarde deste sábado (2) que irá investir na carreira internacional e que pretende também escrever um livro e um filme sobre a sua história.

“Eu estou estudando, já canto e já falo um pouco [em inglês]. Estou caminhando, graças a Deus. A minha carreira internacional vai acontecer, sim. Estive em Los Angeles e vi algumas músicas”, disse ele, que falou ainda sobre a vontade de escrever um livro e um filme autobiográfico, durante o “Programa Raul Gil”, no SBT.

O cantor negou que o seu cachê tenha despencado de R$ 150 mil para R$ 15 mil, mas admitiu uma queda em torno dos 30%. “É óbvio que meu cachê hoje não transita no valor de R$ 150 mil como já foi, porque é uma questão nacional. Não é só o meu. O próprio Luan Santana, que é o meu brother, falou que diminuiu de 30 a 35% o número de shows e o valor de shows”, avaliou ele.

Ainda durante o programa, Naldo contou também que pensou em sair do Brasil. “Por um momento eu pensei em sair do país. Tenho muito amor pelo Brasil, mas Tom Jobim já dizia que o brasileiro não lida bem com o sucesso alheio.”

Confusão em Minas

Ainda durante a entrevista, o cantor comentou novamente sobre a confusão generalizada em que se envolveu, em fevereiro, na cidade de Lambari (MG). Na ocasião, Naldo trocou insultos com o seu próprio público.

“Eu entrei me sentindo meio que humilhado. Entrei desanimado porque a galera já tinha me xingando. Depois virou cena de guerra. As pessoas começaram a quebrar tudo em volta. Tive que pular um muro de cinco metros, machuquei minha mão toda. Foi um dia pra se esquecer”, disse.

O cantor culpou “uma excursão vinda de uma cidade vizinha” pela confusão, mas elogiou as pessoas de Lambari. “Eu quero fazer um show em Lambari, de graça, em praça pública. Pra quem eu sei que me ama.”

Na ocasião, o tumulto se alastrou porque o show teria começado com 30 minutos de atraso, e, revoltadas, algumas pessoas passaram a xingar e a jogar objetos e pedras contra o funkeiro. Mesmo com os ânimos alterados, Naldo tentou iniciar a sua apresentação, mas, poucos minutos depois, trocou insultos e ofensas com parte do público.

“Enfia o dedo no c* de vocês, seus filhos da p*ta”, exclamou o cantor para algumas pessoas da fila da frente. “Vocês sabiam que o show estava marcado para essa hora? Então vai se f*der, pega o dinheiro de volta, porr*! Vai tomar no teu c*”, prosseguiu o funkeiro, sempre vaiado (assista ao vídeo acima).

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *