Últimas

Atlético busca nova hegemonia em MG e marca que não alcança desde anos 80

Em 1989 o Atlético-MG conquistou o Campeonato Mineiro pela 34ª vez. Aquele bicampeonato marcava a 10ª conquista alvinegra em 12 edições. Hegemonia em Minas Gerais só superada pelo deca campeonato do América-MG, ainda na época do amadorismo do futebol brasileiro, entre 1916 e 1925. Quase 30 anos depois, o Atlético pode voltar a ter uma sequência hegemônica no futebol mineiro.

A partir deste domingo o time atleticano inicia a disputa de mais uma decisão no Campeonato Mineiro. Caso supere o América ao final das duas partidas, sempre lembrando que o lado alvinegro leva a vantagem de poder jogar por dois empates, por ter feito melhor campanha na primeira fase, o Atlético pode vencer o Estadual pela 5ª vez nos últimos sete anos.

Marca que não consegue desde a década de 1980, quando esteve soberano no futebol mineiro. Se a conquista em 1989 marcou o 10º título em 12 possíveis, nas 20 edições seguintes o Atlético conquistou o torneio em apenas cinco oportunidades e viu o rival Cruzeiro ser campeão mineiro 11 vezes no mesmo período.

A boa fase vivida pelo Atlético nos gramados de Minas Gerais reflete também nas conquistas além das montanhas. Junto dos títulos estaduais vieram conquistas internacionais, como a Libertadores e a Recopa, além da Copa do Brasil, assim como boas campanhas no Campeonato Brasileiro. São dois vice-campeonatos nas últimas duas edições.

Presente na Libertadores pelo quarto ano consecutivo, o Atlético é o único clube brasileiro que disputa as oitavas de final do torneio continental e também a final de seu estadual. Corinthians, Grêmio e São Paulo são os demais brasileiros na Libertadores. Os três ficaram pelo caminho nos respectivos campeonatos locais.

A retomada da hegemonia atleticana em Minas começou em 2010, com duas vitórias sobre o Ipatinga, na decisão. Daquele elenco, então sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, o Atlético não tem nenhum remanescente. Dois anos depois veio o segundo título da série, justamente sobre o América, o rival da vez. Daquele time, cinco jogadores podem ser campeões pela quarta vez em cinco anos.

São eles o goleiro Giovanni, os laterais direito Marcos Rocha e Carlos César, o zagueiro Leonardo Silva o e volante Leandro Donizete. O goleiro Victor também está na Cidade do Galo desde 2012, mas chegou ao clube após o Estadual, já com o Brasileiro em andamento. O camisa 1 busca sua terceira conquista regional em Minas Gerais.

América e Atlético começam a decidir o Mineiro neste domingo, às 16h, no Independência. A partida de volta já está marcada para o Mineirão, dia 8 de maio, também às 16h.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *