Últimas

Chuva deixa feridos e provoca deslizamentos, queda de árvores, protestos e alagamentos na RMR

Muro cedeu com deslizamento de barreira na Várzea. Foto: Whatsapp/Cortesia
Muro cedeu com deslizamento de barreira na Várzea. Foto: Whatsapp/Cortesia

Com informações de Eduardo Moura/TV Clube

Um deslizamento de barreira na Rua Francisco Leopoldino, na UR-7 (Várzea), Zona Oeste da cidade, deixou três feridos, sendo um homem e duas crianças – um menino de três anos e uma menina de sete. Os nomes não foram divulgados. Quando a barreira cedeu, por volta das 23h30 desta sexta-feira (15), um muro de arrimo de uma empresa de estofados desabou sobre a casa onde vivem os feridos.

No momento, a mãe assistia à televisão na sala, enquanto o pai dormia num dos quartos e os filhos assistiam a vídeos no quarto ao lado, pelo celular. O muro invadiu os dois quartos, deixando a menina com escoriações no queixo e o pai com escoriações na cabeça, pé e cotovelo.

A Defesa Civil condenou metade da casa e constatou que o muro era irregular, construído de forma errada e sem ferragens. Os três feridos foram levados à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da Caxangá, também na Zona Oeste, onde foram atendidos e liberados. Todos passam bem.

Na UR-7, os três feridos foram socorridos e passam bem. Foto: Whatsapp/Cortesia
Na UR-7, os três feridos foram socorridos e passam bem. Foto: Whatsapp/Cortesia

No Alto do Capitão, na rua Alto do Capitão, outra barreira cedeu. Nas Graças, na rua Alberto Paiva, duas árvores caíram, uma delas fechando a passagem de carros. O susto afugentou clientes e comerciantes de feira orgânica montada aos sábados nos arredores do local.

Em Beberibe, protestos tumultuaram os arredores da Praça da Convenção, na manhã deste sábado. Moradores da rua Uriel de Holanda, na área do Rio Morno, pleiteavam habitações após alagamentos na região.

Em balanço preliminar, a APAC revelou que a maior concentração de chuvas ocorreu em Jardim Primavera, em Camaragibe, Região Metropolitana do Recife.

Segundo o Corpo de Bombeiros, moradores ilhados em diferentes pontos do Recife acionaram a corporação durante a madrugada. Ao todo, de acordo com balanço divulgado na manhã deste sábado (16), foram deslocadas viaturas do Grupo de Busca e Salvamento para os bairros de foram deslocadas para os bairros de Camaragibe, Varzea, Dois Unidos, Linha do Tiro, Jardim Brasil, entre outros.

Ainda de acordo com os bombeiros, foram realizados 21 atendimentos pré-hospitalares, três salvamentos, 87 intervenções em praias e nove combates a incêndio nas últimas 24 horas.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *