Últimas

Com coxinha e caipirinha, Geisy Arruda lança nu em boate tradicional em SP

Vestido rosa, cabelos loiros e maquiagem para “matar”: poderíamos estar falando de Geisy Arruda na noite em que foi hostilizada em uma faculdade por conta do comprimento de seu vestido, mas ela mostrou durante o lançamento de seu segundo ensaio nu para a Sexy, na noite desta segunda-feira (4), que a única coisa que pode ser comparada àquela noite é o tom do look escolhido, também rosa.

De cinco anos para cá, Geisy ganhou dinheiro, fez plásticas, colocou silicone nos seios, ganhou um corpão de dar inveja, engordou novamente, até que sentiu que não poderia mais viver no efeito sanfona. Em tempo, correu atrás do prejuízo com dietas e academia, recebeu o segundo convite para as fotos sensuais e mostrou não só na revista, mas também pessoalmente, um corpo mais definido e com curvas na medida, tudo evidenciado pelo vestido longo, porém justo, bem decotado e com uma mega fenda, claro!

Apesar de ter 1,70 de altura e muitas curvas, Geisy geralmente se comporta como uma menina, cheia de sorrisos e brincadeiras, fato comprovado ao apontar no início da rua da boate em uma limousine rosa com cílios no farol, a pedido dela. “Nossa, parece que foi a barbie que chegou nesse carro”, disse um convidado fazendo referência a boneca infantil.

Dois violinistas até tentaram trazer algum “drama” para o grande momento de sua chegada com o som agudo e aveludado que o instrumento transmite – bem comum na música erudita – mas foram ofuscados pela empolgação de Geisy e os convidados, a maioria da ala masculina, afoitos por um autógrafo nas páginas proibidas para menores de 18 anos.

A Festa

Se na publicação ela mexe com o imaginário masculino encarnando uma barbeira sexy, a festa também teve seu clima fetichista a começar pelo local escolhido pela própria modelo, a tradicional boate Love Story no centro de São Paulo. Quiosques com caipirinhas de todos os gostos, cerveja e whisky davam conta de introduzir os convidados à festa – deixando todos mais relaxados e felizes – principalmente os mais inibidos que tinham que “enfrentar” nos quatro cantos da boate dois gogo boys e duas gogo girls que dançavam músicas atuais como “Sorry”, de Justin Bieber, usando sungas e lingeries sensuais.

“Escolhi porque é uma balada bem sexy e sem preconceito, vem todo o tipo de público. Já vi garota de programa, travesti, galera da noite. É uma balada de tantos anos e queria um lugar que todos se sentissem livres”, explicou.

Outra curiosidade foi o cardápio de quitutes escolhidos à la “aniversário do caçula da vizinha”. Nada de chef renomado assinando canapés com nomes e sabores exóticos ostentados nesse tipo de festa… Quibe, coxinha e esfirra eram servidos em forminhas de papel. Alguns convidados mais exigentes – leia-se “enjoados” para Geisy – chegaram a comentar a simplicidade da comida, mas foi a própria modelo que também decidiu por isso.

“Comidas mais simples são muito mais gostosas e nunca gostei daquelas festas com comidas esquisitas com nomes mais esquisitos e gostos horríveis. Quis essas coisas que as pessoas comem com facilidade, gostam e se divertem. Eu mesma não consegui comer nada ainda, estou com vontade de comer aquela coxinha, mas depois dou um jeito”.

A autenticidade já conhecida de Geisy também marcou presença na festa. Com convidados bem saidinhos, alguns sob o efeito dos drinks, ela acabou escutando algumas besteiras e até pedidos de selinho antes de dar o autógrafo na revista. Era notável uma leve expressão de descontentamento de Geisy em determinadas situações, mas até que se saiu bem de cada uma delas.

“Algumas pessoas confundem as coisas, mas gosto de deixar tudo bem certinho. Não dá para você dar selinho em alguém que você não conhece, se você admira a pessoa, tudo bem, mas selinho não é bacana nesse momento. Educação abre as portas para o mundo, então com um jeitinho carinhoso a gente consegue contornar isso”.

De subcelebridade bombada, só mesmo Geisy brilhou em sua noite, mas convidados e amigos da modelo como a ex-BBB Janaína do Mar e Sabrina Boing Boing fizeram questão de passar na festa para dar um beijo na amiga “polêmica”.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *