Últimas

Confira parte importante da discografia de Prince

O cantor Prince, de 57 anos, morreu na quinta-feira (21), em sua casa, no estado  norte-americano de Minnesota e a causa-morte ainda não foi informada.

O site TMZ divulgou uma nota informando que a internação do cantor no último dia 15 se deu por causa de uma overdose, e não por uma gripe forte como foi informado por seus agentes. A polícia segue com as investigações e o corpo do cantor passará por autópsia nesta sexta-feira (22).

Prince teve uma carreira brilhante:  vendeu mais de 100 milhões de álbuns e 60 milhões de singles. 

Confira alguns discos destacados da carreira do cantor.

Prince se lançou em 1978 com o disco For You, pela Warner Bros. Com seu som absolutamente impecável, além dos vocais, ele é responsável pelo som da guitarra acústica e elétrica, baixo, piano acústico e elétrico, mini-moog, sintetizadores polifônicos, bateria, bongôs, congas entre outros instrumentos.

Em 1982, ele lançou 1999, quinto álbum de Prince que o fez chegar pela primeira vez no Top 10 da Bilboard 200. Foi também o primeiro gravado com o Revolution, com o sucesso  Little Red Corvette. 1999 é considerado, nos dias de hoje, o 8.º melhor álbum de estreia da década de 80.

Purple Rain chega em 1984 fazendo a carreira de Prince, que já era conhecido, decolar. Este disco vendeu 13 milhões de cópias na América, batendo de frente com sucessos de Madonna e Michael Jacksoon. O disco virou trilha sonora do filme que recebeu o mesmo nome e teve Prince como protagonista.

Parade foi o último trabalho de Prince com os Revolution. O disco foi lançado em 1986 e misturou funk, jazz, pop psicodélico e soul music e fez parte da trilha do longa Under the Cherry Moon (Sob o Luar da Primavera), onde Prince além de atuar também estreou como diretor. A canção Kiss fez parte deste disco, que se tornou grande sucesso na Europa.

Em 1987 Prince lançou Sign ‘O’ The Times, usando todo o seu lado provocador. Este é considerado um dos melhores álbuns do cantor, com os sucessos Sign ‘O’ The Times, U Got The Look e If I Was Your Girlfriend, esta Prince explorou questões relativas à identidade sexual, num álbum que também traz temas de carácter mais espiritual, como The Cross.

Em 1989 Prince fez toda a trilha sonora do Filme Batman.  O disco foi gravado em apenas seis semanas e, para quem acredita em coincidências, permaneceu também por seis semanas na lista dos melhores álbuns da Billboard. Nesse momento, Prince adotou uma nova maneira de se vestir: peças mais escuras faziam parte de seu guarda roupa.

Graffiti Bridge foi um trabalho de Prince que chegou aos fãs em 1990 e marcou o início da década. Com este disco, iniciou-se a era New Power Generation . Entre os destaques do trabalho estão Thieves in the Temple e New Power Generation.           

1991 foi o ano de Diamonds and Pearls, com som voltado para o funk pop. O trabalho trouxe os sucessos Gett Off, Cream, Diamonds and Pearls , Money Don’t Matter 2 Night e Insatiable.

Love Symbol chegou em 1992, momento em que Prince buscava um símbolo que o definisse. Foi nesse tempo que ele mudou seu nome para um símbolo impronunciável. Seja pela polémica em torno do conceito, seja pela qualidade musical, Love Symbol conseguiu fazer com que Prince se mantivesse nas bocas do mundo. Sexy MF, My Name is Prince e 7 são três dos melhores singles deste disco.

Em 2014, Art Official Age contabilizou os 37 álbuns de estúdio de Prince. O disco teve produção digital e tendências R&B, recebendo os elogios da crítica, com canções como Breakfast Can Wait e FunknRoll.

No dia 15 de setembro de  2015, Prince lançou Hit N Run: Phase One, que alterna momentos de criatividade e beleza com outros muito menos inspirados. Tempos depois, dia 15 de dezembro do mesmo ano, de surpresa para os fãs, ele lançou o Hit N Run: Phase Two,  a princípio e exclusivamente pelo serviço de streaming Tidal. O álbum, de 12 faixas, apresenta algumas canções divulgadas anteriormente, como Baltimore, Stare, RockNRoll Love Affair e Screwdriver. Também fazem parte do álbum algumas inéditas e outras que já foram tocadas ao vivo e nunca lançadas, como Revelation, When She Comes e Black Muse.

 

Confira parte importante da discografia de Prince
Autópsia no corpo de Prince deve acontecer nesta sexta (22)
Prince estava escrevendo autobiografia
Rihanna homenageia Prince em show no Canadá
Fãs se impressionam com arco-íris em volta da casa de Prince

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *