Últimas

Corinthians vai ceder 1800 camisas e até 3,2 mil ingressos para a Caixa

A Caixa Econômica Federal manteve sob contrato as contrapartidas oferecidas pelo Corinthians no acordo anunciado na quarta-feira.

Por meio de nota oficial, o banco afirmou que itens como ingressos, uniformes e brindes não foram retirados do contrato, embora isso fosse desejo do Corinthians. A Caixa pagará R$ 30 milhões ao clube para se manter no principal espaço da camisa, onde está desde o fim de 2012. 

Entre as contrapartidas previstas, o Corinthians segue a ceder à Caixa 150 camisas de jogo por mês, ao longo dos 12 meses de vínculo. O patrocinador também tem direito a escolher 430 produtos licenciados a cada 30 dias. E, além disso, 80 ingressos de numerada a cada partida realizada na Arena Corinthians. 

Desta semana, quando o novo vínculo foi assinado, até abril de 2017, o Corinthians pode fazer até 40 partidas como mandante dentro do melhor cenário possível em relação à Copa Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Paulista. Neste caso, a Caixa teria direito a até 3200 ingressos para convidados e funcionários.

“No processo de negociação, o Corinthians compensou a retirada da marca nas costas da camisa por mais contrapartidas, como exposição da marca na modalidade futebol de salão, esportes olímpicos e paralímpicos, camarotes e totem no centro de treinamento do clube”, informou a Caixa em nota oficial. De acordo com o banco, “as negociações foram feitas sem ‘queda de braço’ e fechadas após decisão de comum acordo entre as partes interessadas”. 

Para manter o contrato exatamente como o que se encerrou em fevereiro de 2015, o Corinthians reivindicou o pagamento de R$ 40 milhões, mas as partes fecharam acordo com novos termos e mantiveram o valor de R$ 30 milhões

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *