Últimas

Defesa de Lula pede ação do CNMP contra procurador da Lava Jato

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva protocolaram nesta quarta-feira (27), no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público), pedido de providências contra o procurador da República Carlos Fernando dos Santos Lima, da força-tarefa da Operação Lava Jato, em Curitiba. Segundo a defesa de Lula, Santos Lima faz prejulgamentos do ex-presidente, nas entrevistas que tem concedido a órgãos de imprensa.

Para os advogados, as supostas declarações de prejulgamento de Santos Lima à mídia se configuram tribunal paralelo. A defesa diz que o início dessa posição do procurador se deu no dia 4 de março último, logo depois do episódio da condução coercitiva de Lula, em São Paulo, e segue até hoje. A defesa de Lula afirma que “tal conduta é extremamente grave, não podendo ser tolerada, principalmente por tratar-se de reincidência na questão”.

Os advogados pedem que o CNMP, que é o órgão encarregado da fiscalização administrativa, financeira e disciplinar do Ministério Público no Brasil e de seus integrantes, intervenha, a fim de que Santos Lima seja afastado de casos relacionados ao ex-presidente por ter supostamente afrontado o princípio da presunção da inocência e sigilo de Justiça e revelado anseio pessoal em envolver indevidamente Lula.

A defesa ainda pede que o CNMP atue para que o procurador se abstenha de emitir novos juízos a respeito de qualquer apuração não concluída sobre o ex-presidente e seus familiares.

Lula é investigado na Operação Lava Jato por ser suspeito de receber vantagens pessoais indevidas das empresas que ganhavam contratos de obras e serviços da Petrobras.

O procurador Carlos Fernando dos Santos Lima ainda não se manifestou publicamente sobre a manifestação da defesa de Lula.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *