Diretor fala sobre sucesso da Carreta Furacão: Deixou de ser algo infantil

Trenzinhos como o Carreta Furacão inspiraram, além de documentário, clipes. Foto: YouTube/Reprodução
Trenzinhos como o Carreta Furacão inspiraram, além de documentário, clipes. Foto: YouTube/Reprodução

Responsável pelo documentário Rebolão, mas sua irmã gosta!, sobre o sucesso Carreta Furacão, o diretor Gabriel Mendes Dias tem se mostrado encantado com o projeto inspirado em personagens de filmes. De acordo com o cineasta, em entrevista ao portal Uol, o trabalho dos amigos que se vestem de Popeye, Fofão, Capitão América e Mickey é feito com seriedade. “Os meninos começam cedo e vão crescendo naquele universo. É uma questão de pertencimento. Eles se identificam tanto com aquilo, que isso deixou de ser algo infantil e turístico para se tornar algo maior”, disse ao site.

Com recurso limitado, já que o filme é o trabalho de conclusão de curso em audiovisual, Gabriel planejou com antecedência a realização do material. “Ficamos em dúvida se mostraríamos só um trenzinho e só uma cidade. Escolhemos Ribeirão Preto porque é a cidade que tem um foco muito grande e representava bem o fenômeno. Filmamos cinco deles. Praticamente são todos do mesmo dono, com poucas diferenças estéticas e de personagens”, comentou. Rebolão, mas sua irmã gosta! ainda não tem data de lançamento definida. A primeira exibição deve ser em Ribeirão Preto.

Participação em clipe

Eles estão por toda parte: além de inundar as timelines com gifs, memes e vídeos, ser tema de documentário e atração em manifestação pró-impeachment, os integrantes do Trenzinho Carreta Furacão também viraram estrelas de um clipe musical. Os dançarinos de rua de Ribeirão Preto foram convidados pela banda Quarup para participar do vídeo da música Quero ir para a Bahia com você.

[embedded content]

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *