Últimas

Entenda como os games de realidade virtual podem trazer dilemas morais

A realidade virtual aplicada aos jogos pode trazer ao usuário a sensação de que a cena que ele visualiza realmente acontece, o que gera sensações reais em seu corpo. Testando o jogo Hover Junkers, um game de onde o jogador é um assassino, o jornalista Sean Buckley afirma que ficou chocado ao perceber que seu oponente cometeu suicídio, atirando em sua própria cabeça; “O incidente me deixou um pouco abalado. Eu estava acostumado a enfrentar a loucura violenta em jogos de tiro, e não dilemas morais”, afirma, ressaltando a diferença que a realidade virtual pode trazer.

Reprodução

O jornalista afirma que se sentiu perturbado ao imaginar que havia alguém por trás do oponente, uma pessoa real. “Na maioria dos jogos, um avatar é apenas uma ‘casca vazia’ que realiza movimentos de animações predefinidas. Em Hover Junkers, eles imitam o movimento de um verdadeiro jogador[…] parecia um jogo, mas o sentimento era real”, conta Buckley.

Os desenvolvedores contam que diversas pessoas que testaram o jogo sentiram o mesmo, em grande parte porque a linguagem corporal humana presente no vídeo é capaz de alterar a percepção do usuário, fazendo com que ele pense em seus adversários antes de agir. “Não estou acostumado a pensar nos meus adversários como seres humanos, mas eu acho que eu poderia me acostumar com isso”, explica o autor.

Via Engadget

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *