Últimas

Ex-campeão do UFC defende Lyoto após doping: "Não tentou ser desonesto"

O ex-campeão meio-pesado do UFC, Rashad Evans, que enfrenta o brasileiro Glover Teixeira na noite deste sábado (16) em Tampa, na Florida (EUA), saiu em defesa de Lyoto Machida após o lutador ser flagrado em um exame antidoping realizado fora do período de competições.

Apesar de ter perdido o cinturão da categoria justamente para Lyoto no UFC 98, realizado em 23 de maio de 2009, o norte-americano disse acreditar na honestidade do brasileiro e ressaltou que a nova política antidoping do UFC ainda precisa ser melhor assimilada pelos atletas.

“Eu ouvi sobre isso e acredito que seja aquela infelicidade. Eu não acredito que ele estava tentando ser mais rápido ou fazer qualquer tipo de loucura. Quando você precisa se educar sobre o que os lutadores podem ou não fazer, isso acaba sendo um processo duro, porque durante muito tempo fizemos as coisas de um jeito. É necessário apenas se educar sobre o que você pode ou não fazer, coisas do tipo. Isso é muito ruim, porque eu acredito que ele não estava tentando fazer nada desonesto”, declarou o lutador.

Lyoto Machida, que tinha confronto agendado contra Dan Henderson para o UFC Tampa, admitiu ter tomado uma substância proibida fora do período de competições e precisou ser retirado do card.

Segundo um comunicado oficial emitido pelo UFC, a organização foi alertada na última quarta-feira (13) pela USADA (Agência Norte-Americana Antidoping), entidade que controla os exames antidoping para o UFC, que Lyoto Machida havia utilizado uma substância proibida fora do período de competições e declarou ao órgão a infração na hora da coleta da amostra que seria analisada.

Ainda segundo o comunicado da USADA, Lyoto declarou que não estava ciente de que a substância era proibida, tanto dentro quanto fora do período de competições. De acordo com a Política Antidoping do UFC, a admissão do uso será levada em consideração pela USADA durante qualquer potencial processo de gestão de resultados e adjudicação.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *