Últimas

Exposição no Rio traz desenhos de meninas judias em campo de concentração

A partir desta terça (12), o Museu Histórico Nacional, no Rio, recebe a exposição “As Meninas do Quarto 28” que mostra 50 desenhos de meninas judias que viveram no campo de concentração de Theresienstadt, na República Tcheca, por dois anos durante a Segunda Guerra Mundial. A visitação é gratuita.

Baseada no livro da jornalista alemã Hannelore Brenner, a exposição traz, além dos desenhos, uma réplica de 18 m² do quarto em que crianças ficaram aprisionadas, além de painéis com detalhes históricos da época.

Divulgação

Desenho de um vaso, de Erika Stránská

Das mais de 15 mil crianças que viveram no campo de concentração, com idades entre 12 e 14 anos, de 1942 a 1944, apenas 93 sobreviveram, 15 delas sobreviventes do Quarto 28.

Os desenhos não retratam os horrores do campo de concentração, mas ilustram histórias que eram contadas pela artista plástica Friedl Dicker Brandeis, deportada para o campo tcheco em 1942. Durante seu período no campo, Frield contava histórias e dava aulas de desenho e pintura para ala infantil.

A artista conseguiu esconder cinco mil desenhos dos seus alunos, durante os quase dois anos em que esteve presa, antes de ser levada para Auschwitz, em 1944. Dez anos depois, esses desenhos foram encontrados e encaminhados para um museu em Praga, na República Tcheca.

Serviço
“As Meninas do Quarto 28”
Quando: Abertura: 12 de abril de 2016, às 18h
Visitação: 13 de abril de 2016 a 17 de julho de 2016. De terça a sexta, das 10h às 17h30, sábados e domingos, das 14h às 18h
Onde: Museu Histórico Nacional – Praça Marechal Âncora, s/n, centro, – Rio de Janeiro
Quanto: Entrada Franca
Classificação: Livre
Mais informações: www.museuhistoriconacional.com.br

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *