Últimas

Giro UOL traz os destaques da manhã desta quinta, 07/04, para você; ouça

Documentos provam doações

A Andrade Gutierrez, uma das maiores empreiteiras do país, fez doações para as campanhas de Dilma Rousseff utilizando propina de obras superfaturadas da Petrobras.

A informação está na delação premiada feita na Lava Jato por Otávio Marques Azevedo, ex-presidente da empresa. É a primeira vez que um empresário explica o esquema de financiamento de partidos em doação eleitoral por meio de propina de contratos públicos.

Apuração da Folha de S.Paulo mostra que a Andrade Gutierrez doou R$ 20 milhões para a campanha de Dilma em 2014 e R$ 10 milhões entre 2010 e 2012.

Leia mais

Avaliação do governo

O governo federal avaliou que o parecer do deputado Jovair Arantes (PTB-GO) sobre o pedido de impeachment de Dilma Rousseff não traz provas de que a presidente cometeu crime de responsabilidade fiscal.

O relatório, com parecer favorável ao pedido de afastamento, foi apresentado na comissão da Câmara ontem. Amanhã deve começar a discussão sobre o texto e na segunda os deputados da comissão devem votar se concordam ou não com o parecer.

Leia mais

Contra Moro

Advogados de Lula pediram ao Supremo Tribunal Federal investigação contra Sergio Moro, acusando o juiz federal de escuta ilegal. Para a defesa do ex-presidente, o magistrado feriu a lei que regulamenta a interceptação telefônica.

Os advogados querem ainda que o STF envie o caso para o Conselho Nacional de Justiça e para o TRF da 4ª Região analisarem possíveis infrações disciplinares e administrativas cometidas por Moro no caso.

Leia mais

Explicações da defesa

A defesa de Silvio Pereira negou que o ex-secretário nacional do PT tenha feito um acordo de delação premiada para ser liberado da prisão. Ele foi detido na última sexta, durante fase da operação Lava Jato.

O advogado disse que está reunindo documentos para provar que Silvinho não cometeu crimes. O ex-secretário teria recebido cerca de R$ 500 mil de empresas investigadas na Lava Jato.

Leia mais

Até mortos recebiam

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou a paralisação imediata do programa de reforma agrária do Incra em todo o país. O motivo é a identificação de cerca de 580 mil beneficiários irregulares.

De acordo com informações do tribunal, 1.017 políticos receberam lotes do programa de forma ilegal. E os problemas não param por aí. Foram identificados repasses a 37 mil pessoas já falecidas e até a crianças de 1 ou 2 anos de idade.

Leia mais

Ninguém levou

A Mega-Sena acumulou pela sexta vez consecutiva. E agora o prêmio deve chegar a R$ 40 milhões no próximo sábado. Ninguém acertou as dezenas 11, 20, 35, 42, 55 e 58.

A quina saiu para 86 apostas. Cada uma vai receber R$ 37.310,94. A quadra foi feita por 5.047 pessoas, que levarão um prêmio de R$ 908,24 cada.

Leia mais

Noite sem vitórias

Nenhum time brasileiro conseguiu vencer na noite de ontem pela Libertadores da América. O Atlético-MG perdeu a primeira na competição, superado por 3 a 2 pelo Independiente Del Valle, no Equador.

O Corinthians empatou em 1 a 1 com o Santa Fe, na Colômbia, e ficou muito próximo da vaga na próxima fase da competição. Já o Palmeiras ficou no 3 a 3 com o Rosario, na Argentina. O time paulista agora depende de uma combinação de resultados para avançar ao mata-mata.

Leia mais

Lenine é internado no Rio

O cantor pernambucano Lenine foi internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, com quadro de arritmia cardíaca. Ele cancelou um show que faria em Cubatão (SP) na sexta-feira e deve ficar em observação até o sábado.

Lenine tem shows marcados para abril em Aracaju, João Pessoa, São Paulo e Uberlândia. A assessoria do cantor ainda não confirmou se ele vai poder cumprir a agenda.

Leia mais

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *