Últimas

Infográfico compara uso médio da internet com limite de dados da Vivo

Um infográfico produzido pela Infobase Interativa, empresa que atua no ramo de TI, mostra que os limites sugeridos pela Vivo para os planos de internet banda larga estão longe de serem os ideais para os usuários brasileiros, principalmente para quem não vive longe do Netflix e do YouTube.

De acordo com a análise, o limite de 130 GB, o maior oferecido pela Vivo, fica abaixo da média de consumo de dados dos brasileiros, que é de cerca de 142 GB por mês. O infográfico completo pode ser acessado neste link.

O estudo mostra, por exemplo, as consequências do streaming. Os brasileiros passam cerca de 20 horas por mês consumindo conteúdo em serviços como Netflix, YouTube e Spotify, o que iria gerar, na primeira plataforma, um gasto de 20 GB por mês da franquia contratada.

Reprodução

O público gamer também foi considerado pelos analistas. Em um dos jogos mais populares da plataforma Steam, o consumo durante 30 horas por mês representou o gasto de 1,8% do plano de dados.

Assim, este pode ser mais um argumento que prova que os gamers não podem ser responsabilizados pelo fim da internet ilimitada, como havia salientado João Rezente, presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Com isso, a análise mostra que o ponto que realmente consome uma grande quantidade de dados é, na verdade, o download de arquivos.

Reprodução

Leia mais:

Já a navegação cotidiana, que inclui pesquisas no Google, acesso aos provedores de e-mails e eventual uso de reprodutores de vídeo, consome em média 190 MB a cada 30 minutos. Ao considerar que os internautas passam aproximadamente cinco horas diárias nesta atividade, o consumo é de 30% da franquia.

Reprodução

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *