Últimas

Inter trabalha para não cair em armadilha que derrubou o Grêmio do Gauchão

O Internacional sabe que uma das principais armas do Juventude é a bola aérea. A força de jogadores altos como o zagueiro Klaus tiraram o Grêmio do Gauchão – na marcação de dois gols no jogo de ida. E para evitar tal armadilha, o Colorado trabalhou muito nesta sexta-feira. 

Foi o último trabalho em Porto Alegre antes da viagem a Caxias. Bola parada defensiva e cruzamentos foram repetidos, além de uma atividade de campo reduzido. Na atividade fechada, quinta-feira, também foi dada atenção especial para este tipo de jogada. 

“Conhecemos o adversário por tê-lo enfrentado. E na casa deles. Aquele jogo foi difícil, duro. Esperamos da mesma forma. Estamos preparados para 180 minutos, respeitamos o adversário. Há um equilíbrio muito grande, é 50% para cada lado. Vamos tentar um bom resultado, fazer e não sofrer gols”, disse o técnico Argel Fucks.

Marcar fora de casa também será fundamental. Foi isso que fez o Juventude, por exemplo, garantir sua vaga. Após ganhar em Caxias, o Ju perdeu em Porto Alegre e avançou graças ao gol de Roberson. E é a vez do Inter tentar usar isso contra eles. 

“Precisamos fazer gols. A motivação é sempre maior por você buscar uma condição. Conhecemos bem o adversário, sabemos da qualidade deles. Respeitamos muito. Será equilibrado. Os dois jogos decidirão quem merece a conquista. Vamos atuar como sempre atuamos, nos defendemos bem, não sofremos muitos gols, e vamos procurar marcar”, explicou. 

O time foi confirmado na coletiva de Argel. O Internacional entrará em campo com: Alisson; PC Magalhães, Paulão, Ernando e Arthur; Fernando Bob, Fabinho, Andrigo e Anderson; Eduardo Sasha e Vitinho. O duelo que abre a final do Gauchão está marcado para domingo às 16h (horário de Brasília) no estádio Alfredo Jaconi. 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *