Últimas

Pivô do bloqueio da internet fixa, Vivo registra aumento de 179% nos lucros

A Telefônica Brasil, empresa que trabalha sob a marca Vivo, publicou ontem os resultados financeiros do primeiro trimestre de 2016. A polêmica com a limitação da internet fixa parece ainda não ter afetado a companhia que conseguiu registrar um aumento de 179% no lucro líquido ante ao mesmo trimestre de 2015.

O percentual equivale dizer que a operadora faturou US$ 1,22 bilhão entre janeiro e março deste ano, já deduzidos os gastos com despesas. O relatório também mostra que a Vivo obteve bons números por conta do corte de gastos efetuados no período. Dessa forma, a receita líquida foi de R$ 10,43 bilhões, 0,6% maior do que em 2015.

Fonte que colaborou para os resultados obtidos, o serviço móvel rendeu R$ 5,9 bilhões aos cofres da empresa. Outro ponto interessante foi que mesmo oferecendo internet banda larga ilimitada durante esse período, já que as mudanças que causaram polêmica nas últimas semanas só passam a valer para contratos firmados após 1º de abril, a Vivo registrou lucro nesse setor.

Outro fator que ajudou a alavancar os números foram as vendas de algumas torres de transmissão para outras empresas que fazem parte do grupo do Telefônica.

Leia mais:

Mesmo assim, a companhia entende que a verba obtida com a venda dados é uma receita que não pode ser desprezada. No relatório existe a indicação de que a companhia abocanhou R$ 2,16 bilhões com esse tipo de comércio.

Outra área que também mostrou crescimento foi o serviço fixo de internet fibra óptica, com aumento de 22% e faturamento de R$ 554 milhões. A internet comum, por sua vez, caiu 0,6% no período e fechou o trimestre com receita de R$ 401 milhões. 

Via TeleSíntese

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *