Roger garante que Grêmio não pode escolher rival na Libertadores

O Grêmio está classificado às oitavas de final da Copa Libertadores e tem, no momento, a sexta melhor campanha entre os segundos colocados. A meta tricolor é buscar ser o vice-líder de melhor desempenho, para enfrentar, no início do mata-mata, a ‘pior’ primeiro colocado. Mas o técnico Roger Machado garante que seu time não pode escolher adversário.

Em entrevista coletiva concedida após o treino desta terça-feira, o técnico exaltou o fato de o Grêmio ter evoluído com a sequência dos jogos na temporada ao falar sobre as oitavas de final da Libertadores.

– Time que deseja ser campeão não pode escolher adversário. Altitude tem seu peso, tradição também, índice de aproveitamento também gera dificuldade. Mas eu acredito muito no crescimento do meu time e no momento que a gente vive – destacou Roger.

O Grêmio pide com o Santa Fe a condição de sexta melhor campanha entre os segundos colocados, com oito pontos e três gols de saldo. Independiente del Valle, com 11 pontos e três de saldo, Nacional e Deportivo Táchira, ambos com nove, são os três primeiros. River Plate ou São Paulo – que somam oito pontos com nove e seis gols de saldo, respectivamente, e vão se classificado no Grupo 8 -, e Racing são os outros com melhor campanha por conta do saldo.

O Tricolor terá os retornos de dois jogadores que cumpriam suspensão – Marcelo Oliveira e Maicon -, além de Ramiro, recuperado de caxumba, para o duelo desta terça. Com isso, o Grêmio iniciará o jogo com a seguinte formação:  Marcelo Grohe; Ramiro, Pedro Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Giuliano, Douglas e Luan; Bobô.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *