São Paulo finalmente joga bem, atropela e fará decisão contra o River Plate

O São Paulo voltou em grande estilo ao Morumbi pela Libertadores e à briga para conseguir uma vaga nas oitavas de final da competição continental. Contra o Trujillanos, nesta terça (05), a equipe brasileira nem parecia a mesma dos últimos jogos e foi capaz de atacar com qualidade e contou com a grande atuação de Calleri para vencer por 6 a 0.

O argentino participou bem no ataque, fez quatro gols, sofreu dois pênaltis e ajudou a equipe brasileira a respirar. O placar elástico ainda marcou a conquista da primeira vitória do time do Morumbi na fase de grupos do torneio. O São Paulo não havia conseguido ainda jogar um bom futebol na Libertadores e muito menos vencer na segunda fase da competição. Foram uma derrota contra o The Strongest logo na estreia e dois empates contra River Plate e Trujillanos até esta terça, os quais deixaram o time em situação de risco no grupo 1.

O resultado leva o São a 5 pontos no grupo 1, o mesmo número do River Plate, próximo adversário da equipe brasileira. O time do Morumbi assume a segunda colocação devido ao saldo de gols. O confronto direto pela vaga nas oitavas de final contra o River é no dia 13 de abril, às 19h30, no Morumbi. 

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 6 X 0 TRUJILLANOS

Local: Estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi)
Data-Hora : 05/4/2016 – 21h45
Árbitro: Ulises Mereles (Paraguai)

Cartões amarelos: Mena (São Paulo); José Paéz (Trujillanos); Héctor Pérez (Trujillanos) e Maicon (São Paulo)
Gols: Calleri, aos 12 minutos do primeiro tempo e aos 4 minutos, aos 34 minutos e aos 41 minutos do segundo tempo; Kelvin, aos 17 minutos do primeiro tempo; João Schmidt aos 24 minutos do primeiro tempo;  

São Paulo: Denis; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio (Lucão), Mena, Hudson, João Schmidt, Kelvin (Lucas Fernandes), Ganso, Michel Bastos e Calleri

Trujillanos: Héctor Pérez, Granados, Del Castillo, Luiryi Erazo, José Paéz, Gerardo Mendoza (Johan Osorio), Maurice Cova, Franklin Gonzalez (Nieves), Carlos Sosa, James Cabezas e Rúben Rojas 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *