Tite diz que Corinthians está além do que ele imaginava e prevê crescimento

A um ponto de assegurar a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores, o Corinthians agrada a Tite. Depois do empate em 1 a 1 contra o Santa Fe-COL, o treinador falou sobre o momento na competição da equipe bastante modificada em relação a 2015. Segundo ele, há margem para evoluir. 

“Quero dizer que é montar equipe. O Santa Fe é campeão da Sul-Americana 2015 e mantém a base. Isso é rotina, é repetir, é amadurecer. É errar para depois acertar, é processo de evolução. A equipe está muito acima do que imaginava estar, chegando a um jogo possivelmente classificada. Eu sei que gera expectativa e comparações com a equipe campeã, mas é outra etapa se construindo”, avaliou Tite. 

Em sua entrevista, ele ainda fez elogios ao jogador que voltou de lesão na semana passada e marcou o gol do empate. “Meu reconhecimento ao Elias, que mesmo sentindo jogou com Cobresal porque tínhamos necessidade. O destino, o trabalho, premiaram ele no retorno para fazer o jogo que fez e o gol. Essa equipe toda jogou pela segunda vez nesse meio-campo. É a segunda vez que Guilherme jogou com Bruno, Elias e Giovanni Augusto”. 

A análise do treinador corintiano sobre o adversário foi de uma equipe com maior rodagem e estratégia de jogo focada na exigência sobre o rival. “O Santa Fe imprime um ritmo muito forte em casa, acelera para que haja um desgaste físico. Nas ações de compactação, de velocidade de ida e volta, ‘tu afoga’ e perde a coordenação dos movimentos. Sabíamos que se passasse o primeiro tempo, esse ritmo seria mais normal, independente da qualidade e da base montada (do rival). O Santa Fe sabe das saídas dos laterais, das flutuações, da finalização de média distância. Essa organização está há bastante tempo e nós estamos estruturando”. 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *