Últimas

Acusado de desvios na base, conselheiro tem acesso ao Corinthians na Bahia

Investigado pelo Conselho de Ética do Corinthians por suposto esquema de desvio de dinheiro nas divisões de base, o conselheiro vitalício Manoel Ramos Evangelista acompanhou a delegação corintiana no fim de semana passado em Salvador. Mané da Carne, como é conhecido, assistiu à Vitória 3 x 2 Corinthians no domingo. 

A presença do conselheiro havia sido vetada pela direção do Corinthians em viagens desde que se tomou conhecimento dos problemas com o empresário Helmut Niki Apaza. Até então, Mané da Carne era figurinha carimbada nas partidas corintianas, mas tinha se afastado até a partida realizada em Salvador. A informação foi inicialmente divulgada pelo Blog do Paulinho e confirmada pela reportagem.  

No último domingo, o conselheiro caminhou normalmente no Hotel Mercure Pituba e conversou com membros da diretoria corintiana. Apenas hóspedes e jornalistas estavam autorizados a acessar o local.

“Eu viajei por conta própria. Paguei hotel, paguei a viagem. Com 70 anos, não posso ir onde eu quiser? Fui com meu dinheiro. Não tenho nada com isso, estou processando o americano (Niki Apaza) e as pessoas certas, quem falou de mim terá de provar na justiça. Uma vez ou outra, o Corinthians pagou (viagens dele), pois dei muito ao Corinthians em 54 anos. O Corinthians não cedeu ingresso, mas qual o problema em ceder a um conselheiro vitalício? O clube cede a tantas pessoas”, disse Manoel ao UOL Esporte.

A assessoria de imprensa do Corinthians também afirmou que ele viajou a Salvador por conta própria, mas não soube informar se o acesso ao Barradão foi feito com ingresso cedido pelo clube. 

A Comissão de Ética do Corinthians tem escutado uma série de funcionários e dirigentes para dar sequência à investigação do escândalo que estourou recentemente nas divisões de base do clube. Opositores pedem que Manoel seja expulso do Conselho. 

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *