Adam Levine cancela show como protesto a lei antigay

Assim como Demi Lovato e Bryan Adams, a banda Maroon 5, liderada por Adam Levine, resolveu usar sua arte – ou a ausência dela – para se manifestar contra leis antigays implantadas em alguns estados nos EUA.

O grupo Maroon 5 comunicou por meio do seu Facebook, nesta sexta-feira (20), o cancelamento de um show que seria realizado no estado da Carolina do Norte.

“Anunciamos que vamos cancelar nossos próximos shows em Charlotte e Raleigh, Carolina do Norte, devido a aprovação da lei HB2. Esta foi uma decisão difícil para nós como banda. Não queremos punir nossos fãs na Carolina do Norte não se apresentando para eles, mas, no fim tudo, se resume ao que sentimos e todos deveriam ser tratados igualmente”, disseram.

A lei HB2 proíbe as localidades da Carolina do Norte de redigir suas próprias leis anti-discriminatórias e obriga o uso dos banheiros públicos de acordo com seu sexo de nascimento, o que incomodou as pessoas transgênero.

 

Christina Aguilera vai ‘cantar’ com Whitney Houston na TV
Miley Cyrus faz disputa de caretas e resultado é hilário
Candice Swanepoel brilha em ensaio grávida

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *