Últimas

Axl Rose conta que ideia de cantar com AC/DC foi sua: "Quero fazer justiça"

  • Roger Sargent/Divulgação/Facebook

    5.mai.2016 - AC/DC em sua primeira foto oficial com Axl Rose. O vocalista do Guns N' Roses vai substituir Brian Johnson nos últimos shows da turnê da banda na Europa

    5.mai.2016 – AC/DC em sua primeira foto oficial com Axl Rose. O vocalista do Guns N’ Roses vai substituir Brian Johnson nos últimos shows da turnê da banda na Europa

Axl Rose está prestes a estrear em uma nova posição. Após reunir a formação célebre do Guns N’ Roses em uma nova turnê, o cantor agora preenche um espaço importante no AC/DC. A partir de sábado (7), em Lisboa, Axl assumirá os microfones da banda australiana, no lugar Brian Johnson, afastado das apresentações por um grave problema auditivo.

  • 49421
  • true
  • http://musica.uol.com.br/enquetes/2016/05/06/o-que-voce-acha-de-axl-rose-no-acdc.js

O cantor revelou à BBC que a ideia de assumir os vocais de uma de suas bandas favoritas partiu dele mesmo. “Eu liguei no dia que li notícias sobre isso, que havia uma questão envolvendo a audição de Brian”, disse Axl. “Eu liguei para um cara que é gerente de produção agora… Se eu pudesse ajudar, e se eu fosse capaz — e eles estavam interessados –, então eu adoraria ajudar. E foi assim que tudo começou.”

Axl ainda revelou que, embora não tenha conversado com Johnson, seu novo posto na turnê não é “desrespeitoso”. Sua preocupação maior é “fazer justiça” aos fãs.

“Grande parte do [disco de 1980] ‘Back in Black’ é realmente desafiador. Eu não estou aqui para desrespeitar Brian. Ele é um grande cantor e é realmente um desafio cantar como ele. Eu só estou tentando fazer justiça para os fãs.”

A chegada de Axl

A escolha do cantor para o lugar de Brian Johnson rendeu muitas críticas ao AC/DC, que teve de reembolsar alguns milhares de fãs que se recusaram a pagar por uma apresentação sem o vocalista original. Por outro lado, os fãs de Guns N’ Roses ficaram animados com a notícia e provavelmente vão preencher o espaço dos insatisfeitos nos shows que restam da turnê.

Brian Johnson teve de se afastar dos shows por causa de um problema auditivo. Ele recebeu um ultimato dos médicos dizendo que ficaria surdo se continuasse a se apresentar com o AC/DC.

O músico, contudo, declarou que não está se aposentando. Em uma carta aberta e dirigida aos fãs ele explicou que continuará gravando em estúdio e que segue fazendo exames para descobrir se poderá voltar aos palcos. Ele ainda chamou Axl Rose de “grande vocalista” e também agradeceu o apoio dos colegas, em especial o guitarrista Angus Young e o baixista Cliff Williams.

Como uma prévia, Axl Rose já cantou algumas músicas do AC/DC nos sete shows que fez depois do retorno de Slash e Duff McKagan ao Guns N’ Roses. Ele também convidou Angus Young para subir ao palco do Coachella, no dia 16 de abril, e juntos tocaram “Whole Lotta Rosie” e “Riff Raff”, do AC/DC.

O vocalista, que quebrou o pé depois da apresentação surpresa do Guns N’ Roses no Troubadour — no dia 1º de abril — já se recuperou e deve se apresentar normalmente com a banda australiana.

Nos shows do Guns N’ Roses em Las Vegas (8 e 9 de abril), Coachella (16 e 23 de abril) e México (19 e 20 de abril), Axl Rose precisou usar um trono emprestado por Dave Grohl para poder cantar sem atrapalhar sua recuperação.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *