Últimas

Cantora critica retoques e publica versão original de clipe: 'Senti falta do corpo violão'

Antes e depois do clipe de Meghan Trainor. Foto: Reprodução do Instagram/ Meghan Trainor.
Antes e depois do clipe de Meghan Trainor. Foto: Reprodução do Instagram/ Meghan Trainor.

A cantora norte-americana Meghan Trainor relançou, nesta quarta-feira (11/5), o videoclipe de Me Too, apagado por ela mesma pelo excesso de retoques para torná-la mais magra. O single faz parte do novo álbum, Thank You, com lançamento previsto para a próxima  sexta-feira (13). 

“Aqui, finalmente, o vídeo real! Senti falta desse corpo violão”, disse a artista de 22 anos, famosa pelo hit All about that bass. Anteriormente, em sua conta no SnapChat, Meghan havia desabafado com os fãs: “Estou cansada disso, então tirei do ar até eles consertarem. Minha cintura não é tão fina assim. Não sei porque eles não gostaram da minha cintura, mas eu não aprovei o vídeo, e ele foi divulgado para todo o mundo. Então, estou envergonhada. Continua sendo um dos meus clipes preferidos entre os que já fiz, e estou muito orgulhosa dele. Só me sinto irritada por eles terem ‘quebrado minhas costelas’”. 

O irônico é que a letra da música fala justamente sobre a aceitação de si mesma. A cantora norte-americana contou que os efeitos de pós-edição passaram despercebidos por ela, que só notou depois que alguns fãs começaram a compartilhar frames do vídeo.  

[embedded content] Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *