Capitão da PM é condenado a 12 anos e a perda do cargo após matar auxiliar de serviços gerais

Capitão da PM é condenado a 12 anos e a perda do cargo após matar auxiliar de serviços gerais
(Foto: Reprodução / Jornal do Dia / Internet)

O Capitão da Polícia Militar Denisson Santana do Nascimento Silva foi condenado a 12 anos de reclusão pelo crime de homicídio e a perda do cargo. O julgamento aconteceu na última quinta-feira (19/05), no Fórum Gumercino Bessa, em Aracaju (SE).
No dia 5 de dezembro de 2010, Denisson matou o auxiliar de serviços gerais Rodrigo de Jesus Santana. O crime aconteceu dentro do Espaço Emes durante um show de pagode. A defesa do militar alegou que Denisson matou em legítima defesa. Outros dois casos de lesões corporais foram considerados prescritos.

Fonte: JornaldeSergipe.com.br
Matéria publicada no site Jornal de Sergipe

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *